Home‎ > ‎Livros s/ o Cam. Santiago‎ > ‎

VIA LÁCTEA – PELOS CAMINHOS DE SANTIAGO DE COMPOSTELA – Autor: Guy Veloso


VIA LÁCTEA – PELOS CAMINHOS DE SANTIAGO DE COMPOSTELA – Autor: Guy Veloso




Texto extraído do site: http://aventurasdaaldi.blogspot.com.br/

Para mim este livro é um clássico da literatura Caminho de Santiago de Compostela.
Todos que querem conhecer o Caminho e suas nuances deveriam lê-lo.
Guy Veloso nos conta sua trajetória emocionante nesse Caminho, suas descobertas, suas lutas para vencer os obstáculos, dificuldades e com muito positivismo e praticidade nos prepara através de sua experiência a termos uma boa caminhada.
Cito algumas frases marcantes para mim:
a)"Até que tomei coragem de finalmente perguntar o motivo de tantos conflitos. Saber o que a solidão tinha para me ensinar. (...) eu sabia que era chegada a hora de despir-me. Jogar fora conceitos e preconceitos" (pág 122)
b) "Vi que o Caminho me levava a uma abstração do mundo. É como se todos nós fôssemos alijados da "vida real", do cotidiano muitas vezes duro, tedioso e competitivo, e entrássemos em uma ilusão feliz. Alento. Um sonho." (pág 159)
c) "...o Caminho de Compostela não é físico, não se restringe a uma linha desenhada nos mapas." (pág 167) 


Texto exraído do site: http://osonodosol.blogspot.com.br/

No final de 2007, reli pela segunda vez: “VIA LÁCTEA, Pelos Caminhos de Santiago de Compostela”, de Guy Veloso. Sem dúvida é um dos melhores livros da minha vida! Não menos que 190 páginas em uma viagem colossal de 800km a pé, onde o autor cruza a rota ancestral de peregrinação cuja se estende pela Península Ibérica até a cidade de Santiago de Compostela. Momentos encantadores e bem descritos em toda reflexão que a mesma implica. O enredo ímpar é de uma alegria poética capaz de transportar-nos como um forte espectador a cada pueblo medieval, a cada pedra ou terra do caminho percorrido, mas principalmente ao autoconhecimento do peregrino. A história envolvente harmoniza mente e espírito, coração e alma. Mas, acima de tudo, têm o poder de nos levar a contemplar um homem determinado a fazer companhia de si para si: percebendo-se a cada pegada, a cada comunhão com os elementos da natureza, a cada busca ao justo sentido das coisas, a cada sensação de déjà vu, e, ao verdadeiro sentimento panteísco... uno.

 

Opinião Pessoal: Um livro que, como leitor, me defino pelas próprias palavras do autor, com as quais corroboro: “..Em 1993 aos 23 anos, eu fiz o Caminho de Santiago de Compostela, que é uma rota medieval que vai da França até o final da Espanha, fiz a pé o mais tradicional possível. Assim fiz um diário de bordo e achei interessante compartilhar, já havia outros livros sobre o assunto na época, mais não de uma pessoa comum que fez o caminho sem conhecer direito.
Os outros livros eram muito esotéricos, falavam muito da parte de magia que envolvia o caminho, por isso resolvi fazer o livro sobre alguém comum que fez o caminho de mochila nas costas, fotografando, passando por tudo aquilo.
Então, foi o primeiro livro sobre o Caminho mais “pé no chão”, o titulo do livro é Via Láctea, já tem uma editora querendo fazer a 5a edição, porque ele está esgotado no momento.”


Minha Avaliação: Excelente!