FINAL


EPÍLOGO

Maria passa à frente, Pisa na cabeça da serpente, Intercede junto a Jesus, Cruz Sagrada, seja minha luz, 

Obrigado, mãe, Maria passa (mãezinha) à frente, Passa à frente, E pisa na cabeça da serpente, 

Amém!” 


Adeus Aparecida, ou melhor, Deus permitindo, apenas um até breve... 

Peregrinar é empreender uma viagem como forma de procurar, avançar, enfim, observar o horizonte, essa linha onde a terra e o céu se tocam.

Na realidade, peregrinar é uma prática tão antiga quanto a existência do homem.

Tanto isso é verdade que todas as grandes religiões consideram a peregrinação como uma via de conversão, desde que empreendida com inquietação e espírito de busca.

E a caminhada, solitária ou em grupos, desde os tempos remotos, era a forma mais comum de peregrinar para os menos afortunados, por ser a mais econômica e acessível.

Atualmente, cada vez mais se peregrina, pelo simples e profundo desejo de percorrer um caminho iniciático, com algum esforço físico e psíquico, superando dificuldades, aproximando-se do lugar almejado.

E sempre mergulhado no silêncio, pelos campos, olhando para longe e para dentro de si mesmo.

Dentro desse elenco de preposições, o Caminho da Fé é o local ideal para os devotos cuja intenção é visitar a Basílica de Nossa Senhora, em Aparecida, utilizando como meio de locomoção as próprias pernas.

Porquanto, discorre, quase sempre, por estradas silenciosas, paisagens bucólicas, povoados hospitaleiros, enfim, é um roteiro seguro e eficiente, haja vista o número de pessoas que por ele têm passado, desde sua implementação, 17 anos atrás.

Dessa forma, eu me sinto uma pessoa privilegiada por conseguir encerrar minha peregrinação iniciada em Franca/SP, sem percalços ou maiores intercorrências, ungido pela proteção da Mãe Maior.

Nesse sentido, faço uma sugestão aos amigos peregrinos: Deixe a Luz brilhar dentro de si, pois dessa forma conseguirá respirar e sentir a alma da Terra, e assim perceber a Sabedoria que existe neste pedacinho de céu que é o CAMINHO DA FÉ.

Bom Caminho a todos! 

Outubro/2020