Home‎ > ‎Caminho Pro Interior - SP‎ > ‎

FINAL


FINAL

Todos temos a oportunidade de ser cosmopolitanos, basta que tenhamos coragem. Viajar para perto ou longe, sozinho ou em grupo, não importa, pois toda e qualquer experiência que saia do nosso cotidiano, nos enriquece e nos faz crescer.” 




CARACTERÍSTICAS DO PERCURSO 

O caminho pro Interior tem início na cidade de Amparo, que faz parte do conjunto de cidades que formam o Circuito das Águas Paulista, rota turística de águas minerais e nascentes do interior do Estado de São Paulo. Esta região está totalmente inserida no bioma Mata Atlântica justamente pela boa conservação do meio ambiente. O tipo de relevo predominante é o “ondulado e forte ondulado”, o qual ocupa 48,0% da área total, seguido pelo “forte ondulado”, com 21,7% . Apresenta clima subtropical úmido, com temperatura média anual de 20,8ºC e precipitação pluvial média anual de 1.451mm.

Quanto à área total das propriedades rurais cadastradas no Sicar–SP, 51,8% das terras pertencem a 6.507 propriedades rurais (94,9% do número total de propriedades rurais) com até 4 módulos rurais fiscais (MF) (Incra, 2013) e 48,2% das terras pertencem a 355 propriedades com áreas maiores de 4 MF (4,2% das propriedades têm de 4 MF até 15 MF, e 0,9% das propriedades rurais têm mais de 15 MF). Socorro é o município com o maior número de pequenas propriedades rurais, com 49,3% do total (3.207 propriedades), seguido por Amparo, com 14% (909 propriedades). Amparo também é o município com a maior quantidade de propriedades rurais com mais de 4 MF (28,5% do total e que representa 39,5% da área total das terras de propriedades rurais) e Socorro vem em seguida (com 21,7% das propriedades maiores de 4 MF e que representa 17,9% da área total das terras de propriedades rurais), seguido por Jaguariúna (com 12,1% e 10,6%, respectivamente).

Quanto às nascentes ou olhos-d’água, 33,6% e 26,7% do número total das nascentes do CA estão em Socorro e Amparo, respectivamente.

Assim, Socorro e Amparo são os municípios com maior quantidade de nascentes aos cuidados dos pequenos produtores rurais, dado interessante para os órgãos de extensão rural local, que podem promover auxílio e orientações voltadas à proteção (construção de estruturas protetoras das nascentes) e à recuperação das nascentes ou olhos-d’água.

O Caminho ultrapassa a fronteira do Estado de São Paulo, alcançando o Sul de Minas através das cidades de Monte Sião, Bueno Brandão e Munhoz, que também se destacam por suas reservas naturais. Juntos, os municípios Paulistas e Mineiros estão compreendidos na mesma região denominada Serra da Mantiqueira, uma das áreas mais exuberantes do Brasil.

Fonte: www.caminhoprointerior.com.br 


Caminho Pro Interior... um roteiro belíssimo!!


EPÍLOGO

Às vezes, o meu interior se fragmenta e tenho que colocar essas partes no seu devido lugar. Para que isso aconteça, necessito usar uma quantidade imensa de energia e só consigo quando os meus medos, as minhas dores, a minha felicidade e os meus fantasmas entram em harmonia, e me dão o aconchego, onde minha alma repousa e meu espírito recebe a luz que o reenergiza. Existem lugares que são únicos para que isso aconteça, e todos eles estão alocados nos Caminhos que gosto de percorrer.” 




Pesquisar, buscar o conhecimento sobre algo que julgamos importante, esmiuçar relatos, mapas e arquivos na internet, sabendo que pode estar ali uma informação valiosa, é muito interessante, enquanto traçamos a nossa rota.

Porém, quando damos o primeiro passo, estamos passando da teoria para a prática e tudo se altera a partir de então.

Porquanto, o reencontro com a trilha produz um efeito mágico em nós, algo muito maior que qualquer estudo teórico.

E no final do dia, há uma mistura de prazer e cansaço, junto com a sensação de estarmos realizando mais um sonho.

Nesse sentido, o Caminho Pro Interior objetiva proporcionar ao caminhante uma experiência única, em contato com a exuberante natureza da serra da Mantiqueira, com trânsito por estradas rurais, em sua grande maioria, não asfaltadas.

É, também, um grande convite à contemplação, reflexão, autoconhecimento e a reconexão com o outro e consigo mesmo, vez que o que importa é o trajeto, nem tanto a chegada.

De minha parte, embora tenha caminhado apenas 2 dias pelas etapas recém-inauguradas, diria que desfrutei de paisagens deslumbrantes, bem como conheci pessoas amistosas e hospitaleiras.

Nesse sentido, trilhar o Caminho Pro Interior evidenciou-se, para mim, como uma experiência instigante e prazerosa. 


Com meu parceiro Vinícius, em Serra Negra, festejando o final desse trecho inicial do Caminho.

Para encerrar, diria que nessas idas e vindas pelos roteiros campestres, conheci o Vinícius, natural de Amparo/SP, e hoje somos grandes amigos.

Os momentos que passamos juntos até aqui foram poucos e, relativamente, breves, se comparados às minhas outras confrarias.

No entanto, foram intensos e repletos de sinceras emoções, que despertaram em nós uma afinidade que dificilmente brotaria se tivéssemos nos conhecido fora dos caminhos.

Por isso, meu agradecimento sincero a ele por mais essa parceria que, Deus permitindo, espero reprisar em 2020.


Bom Caminho a todos! 

Dezembro/2019