Home‎ > ‎80 Livros que Li e Gostei‎ > ‎

A MORADA DOS DEUSES – Autor: Carlos Tramontina


A MORADA DOS DEUSES – Autor: Carlos Tramontina


“Um repórter nas trilhas do Himalaia.” 



O livro narra a viagem do repórter brasileiro Carlos Tramontina ao Himalaia, contada em detalhes, desde o surgimento da idéia até o surpreendente desfecho da aventura, onde as descobertas e reflexões do autor falam sobre a força do homem e o poder da natureza.

A viagem do repórter brasileiro Carlos Tramontina ao Himalaia, contada em detalhes, desde o surgimento da ideia até o surpreendente desfecho da aventura, onde as descobertas e reflexões do autor falam sobre a força do homem e o poder da natureza. Esta é a proposta do livro “A morada dos deuses – um repórter nas trilhas do Himalaia”, lançamento da Sá Editora, que narra a aventura em um tom acessível a todos os tipos de público, e não apenas ao especializado em expedições e escaladas. O projeto gráfico do livro, assinado por Hélio e Thereza de Almeida, merece destaque especial. A obra, ricamente ilustrada, traz 32 págs. em papel couché, com fotografias coloridas das deslumbrantes paisagens do Nepal. São imagens que revelam os hábitos dos moradores da região, a cultura local, as cores e belezas dos lugares por onde passou o repórter, tornando o livro mais rico em detalhes para a apreciação do público. A preparação do repórter, descrita no início da obra, demonstra o grau de dificuldade envolvido na empreitada. A viagem, no entanto, não é apenas um desafio enfrentado pelo autor, mas também uma experiência onde as reflexões pessoais se desenvolvem em torno do ser humano, do desejo de superação, da relação do homem com a natureza e do equilíbrio de suas forças.

Sinopse/Análise feita pelo site: www.inema.com.br 

Em março de 2003, o jornalista Carlos Tramontina partiu em férias para um destino inusitado. Sozinho, sem a habitual companhia da mulher e dos filhos, incorporou-se a um grupo de pessoas que até aquele momento ele não conhecia, mas que compartilhavam com ele de um mesmo sonho: encarar frente a frente as montanhas mais elevadas da Terra, como um “trekker” nas trilhas do Himalaia, no Nepal.

Este pequeno país representa para o olhar ocidental um mundo novo e desafiador. As cidades e vilas exóticas, os caminhos estreitos que sobem as encostas, os acampamentos de montanha guardam uma cultura milenar, rica em suas representações e concepções sobre o sagrado.

Embora preparados cuidadosamente e equipados para os rigores do frio abaixo de zero da alta montanha, a rotina dos acampamentos e das trilhas revela-se em desconfortos extremos, só compensados pela visão da beleza que se mostra para os que ousam chegar ao "Teto do Mundo".

Este livro é o relato dessa experiência singular, cheia de dificuldades e recompensas, onde as surpresas não aparecem apenas na paisagem, mas também nas revelações íntimas e nos encontros consigo mesmo, traduzidos aqui pelo olhar sensível e curioso do repórter.



Opinião Pessoal: Um livro excelente, muito bem escrito e, surpreendentemente, de grandes revelações pessoais e religiosas.

Minha Avaliação: Muito Bom!

VOLTAR‎